TAG - 7 pecados literários


Olá leitores!
Faz tempo que não trago uma tag aqui no blog né ? Dessa vez não vou ser eu quem vai respondê-la e sim nossa colaboradora, a Saiury!

A tag foi vista no blog As 1001 Nuccias e consiste em responder 7 perguntas sobre livros, mas que tenham a ver com os 7 pecados capitais.

Vamos ver as respostas da Saiury!

Ganância
Livro mais caro e mais barato

Pensando bem sobre o assunto, acho que o mais caro que eu já comprei foi o Box de Percy Jackson, que paguei R$79 na Submarino.
Eu queria muito ler e nenhuma das minhas amigas tinham para me emprestar, então comprei!



Já o mais barato... Foi um que comprei pra vir agora em Novembro que é Vencendo o Passado, no catálogo da Avon por R$12.
Eu já tinha lido esse livro e me apaixonei demais por ele, então quando o vi por esse preço já pensei “TENHO QUE COMPRAR!”.



Ira
Com qual autor(a) você tem relação de amor e ódio ?

Essa vai ser difícil dizer, pois amo todos os autores que já comprei livro, mas acho que talvez Sidney Sheldon. Os livros dele são maravilhosos e a trama dentro de cada história é muito... Não descrever, porque é um bom, ruim. (risos)


Gula

Que livro você devorou sem vergonha alguma ?

Bom, todo livro que leio, eu praticamente devoro, então é difícil escolher. 
Acho que os que foram mais “rápidos” são: Fallen (Lauren Kate) que li em um dia; Saga Acampamento Shadow Falls, li os 5 livros em uma semana; Dearly Departed (Lia Habel), li em três dias; O Ar Que Ele Respira (Brittany C. Cherry), outro que li em apenas um dia; A Garota do Calendário - Audrey Carlan (12 livros em 2 semanas, mas eles eram pequenos) e pra não estender a lista, Starders e Enders - Lissa Price (INCRÍVEIS! Cada um em um dia. Inclusive fiquei com mó depressão pós-livro).


Preguiça
Qual livro você tem negligenciado devido à preguiça ?

Esse eu nem preciso pensar muito (risos). O primeiro livro que vem na minha cabeça ao pensar nisso é Os Ceifadores – Anjo, A Face do Mal II (Nelson Magrini), que ganhei de presente, mas não tenho a mínima vontade de ler. Já fazem quase 3 anos que ele ta ali. Outro livro é O Grande Conflito (Ellen G. White). Também ganhei de presente, mas o estilo dele não me interessa muito. A temática dele não me envolve, então ele continua guardado na estante.
Há também Desesseis Luas (Kami Garcia, Margaret Stohl), ao qual minha amiga quase me enfiou pela garganta (risos), porém não “desceu”. Eu amei o filme, e sei que julgar um livro pelo filme é errado, mas assim que comecei a ler, não consegui me envolver pela história o que me fez devolver o livro para minha amiga.


Orgulho
Que livro tem mais orgulho de ter lido ?

Por mais que eu ame todos meus livros, Sussurro (Becca Fitzpatrick) SEMPRE vai ser meu livro favorito de todos do mundo. Me orgulho totalmente de ter livro essa incrível história de Nora e Patch e ficaria HIPER MEGA ULTRA FELIZ se a Becca fizesse mais livros sobre esse incrível mundo de anjos e demônios. 
Nessa lista eu incluo mais alguns que tocaram meu coração: Saga Halo, Entre o Agora e o Nunca/Sempre, Saga Acampamento Shadow Falls, entre outros que se eu colocar aqui, vai ficar uma lista enorme. 
Eu realmente me orgulho de todos os livros que eu já li e leria todos novamente apenas pelo prazer de lembrar daqueles mundos.



Luxúria
Quais atributos você acha mais atraentes em personagem femininos e masculinos ?

Eu simplesmente amo quando o personagem (tanto feminino quanto masculino) persiste em um ideal. Que bate o pé no que acha ser certo, mas que se erra sabe pedir desculpas. Como sou fã de romances, gosto quando se entregam para o amor e ultrapassam barreiras para estar ao lado da pessoa que ama, que desiste de todas as picuinhas e engole o orgulho para dizer o quanto a pessoa é especial. Um personagem tem que ser forte, enfrentar as coisas de cabeça erguida, mas também ter sentimentos e chorar quando quiser. 
Elizabeth de Orgulho e Preconceito
Inveja
Que livros você gostaria de receber de presente ?

Mano... A lista é INFINITA. Eu vejo um livro na frente já tô querendo ele.
É tipo comida: ofereceu, eu aceito
Mas os que eu quero mesmo são: o box do Harry Potter, o box de Halo ou o box de Acampamento Shadow Fall. Mais ênfase em Halo, porque to namorando esse box a muito mais tempo que os outros.


Espero que tenham gostado!

Vocês já conhecem esses livros que a Saiury mencionou ? Comentem!

Beijos e até a próxima <3

Semana Rainha - Conheça os outros livros da autora


Olá leitores!
Hoje é o último dia da Semana Rainha e para fechar com chave de ouro, vim mostrar a vocês os outros livros que a autora Mari Scotti tem já publicados além da série Neblina e Escuridão!

Vamos lá ?



Livro 1 – Coleção Família Hallinson

Gênero: Romance de Época

SINOPSE: 

Há séculos uma verdade acompanha cada herdeiro do ducado de Bousquet: A Maldição dos Hallinsons.
Conta-se que a tragédia os acompanha, levando à morte as esposas em seu primeiro ano de matrimônio. Geração após geração, aprendem sua sina e a regra a seguir para possuir uma união frutífera e longa.
Octávio Hallinson Segundo sofre as consequências de não seguir estes ensinamentos. Viúvo, isolou-se da sociedade, fugindo da responsabilidade de casar-se novamente para providenciar um herdeiro para seu título.
Um homem marcado pela dor.
Mical Baudelaire Nashgan sempre foi uma mulher decidida, enfrentando as ordens de sua tia e negando-se a seguir o protocolo que obrigava mulheres a procurar maridos apenas por posse de títulos e dinheiro e não por amor.
O posicionamento contraditório aos costumes afastou os candidatos, tornando-a uma das únicas solteironas que sua província conheceu. A mais bela dentre elas.
Uma tragédia a coloca frente aos perigos da floresta aos pés da Montanha da Lua e seu futuro torna-se incerto e assustador.
Onde comprar: Amazon | Com a autora: mari.scotti@hotmail.com


Livro 2 – Coleção Família Hallinson
Gênero: Romance de Época

SINOPSE:
Nascer um Hallinson jamais foi tão promissor como em sua geração, no entanto, carregar esse sobrenome era ao mesmo tempo uma dádiva e uma maldição para os herdeiros do amor lendário de Mical e Octávio. Tudo porque Madascocia tornou-se a cidade do casal que venceu uma maldição. Muitos curiosos passaram a visitá-la em busca de felicidade, amor eterno, casamentos duradouros e a solução para seus dilemas. Além das inúmeras superstições como passar pela sombra de um Hallinson; lançar cartas ao rio Llyin que corta a Mansão de Bousquet; as donzelas e matriarcas almejavam matrimônio com um dos jovens herdeiros.
Tentando adiar ao máximo esse desfecho, Samuel prolongou os estudos, mas, a saudade de uma donzela o faz retornar para casa antes do previsto.
É em um baile que todos os seus planos de a cortejar ruem. Flagrado em uma situação comprometedora, vê-se obrigado a se casar.
Ela sempre soube como se esconder da sociedade, como passar desapercebida entre as pessoas e não chamar atenção. Não que fosse complicado, ela era a mais nova das filhas, a menos formosa de sua casa. A que nasceu com uma ofensiva deficiência. Por acreditar que jamais seria notada, Rosalina guardou um grande segredo: seu amor por Samuel Hallinson. O que ela não esperava era cruzar o caminho do rapaz em um dos momentos mais constrangedores de sua vida e mudar seus destinos bruscamente.

Onde comprar: Amazon | Com a autora: mari.scotti@hotmail.com

Gênero: Romance

SINOPSE:
Vinte e quatro mulheres à sua disposição. Um coração incapaz de ceder.
RohanSen é um solteirão convicto, vocalista da Four River, uma banda de rock conhecida internacionalmente. Galã nas horas vagas (e nas ocupadas também), desistiu do romantismo após ser largado no altar em rede nacional.
Tudo estava bem, até que foi convidado para ser o astro de "O Cobiçado", um novo reality show.
AillenKern encontrou na voz rouca de Sen, um bálsamo para as dores da perda. Após a morte de seu noivo, ela se entregou ao luto, trancando seu coração, mas não o seu amor pela música.
Só não esperava ter a chance de conhecer seu ídolo, um dia. Menos ainda participar de um programa em busca de um novo amor, algo que ela decidiu nunca mais procurar.
Encontrar o amor em um programa de TV parece improvável, mas a vida pode surpreender. 
Onde comprar: Amazon

Semana Rainha - Entrevista com Mari Scotti


Olá leitores!
Mais um post da Semana Rainha e dessa vez vamos conhecer melhor a autora da série Neblina e Escuridão com uma entrevista!

Vamos lá ?

1. Como você se descreve?
Persistente e paciente. Acredito que seriam os melhores adjetivos para me descrever, porque sou bastante paciente em tolerar situações para alcançar aquilo que almejo e dificilmente desisto. Gosto do que faço e coloco toda minha paixão na escrita, porque desejo que as pessoas se apaixonem pela leitura, assim como eu.
Sou um pouco reclusa, mas adoro conversar, fazer amigos, conhecer pessoas, mesmo me sentindo mal depois por falar bastante. Sou uma máquina de palavras, falo muito. Graças a Deus ultimamente tenho conseguido me controlar e deixar os outros falarem também.


2. Qual o significado dos livros na sua vida?
Sempre amei ler e isso me aproximou bastante da minha mãe quando era menina, porque ela que me ensinou a escrever meus primeiros textos. Mais adulta, escrever me tirou de uma situação bem complicada, estava com depressão, desistindo de tudo, me afastando da família, amigos, pessoas importantes para mim. Quando percebi, me foquei em algo que eu amava fazer e acredito muito que foi Deus que me direcionou a isto. Reencontrei meu rumo, alegria e escrever me ajudou a vencer muitas dificuldades pessoais. Então posso afirmar que os livros e Deus me salvaram muitas vezes e me trouxe muitos novos amigos.

3. Cite 3 autores e livros favoritos.
Amo Crepúsculo e A Hospedeira e a narrativa da Stephenie Meyer. 
A Denise Flaibam com Os Mistérios de Warthia.
E a Keila Gon da série Cores. Ela sabe como criar um mistério sobrenatural envolvente, instigante e tão palpável que às vezes parece ser capaz de se tornar realidade.


4. Quando você começou a escrever e por quê?
Comecei a escrever entre dez e doze anos de idade, mas minhas histórias não eram legais não. Vejo essas meninas que publicam tão novinhas e fico pensando que eu era bem atrasada nessa idade, não sabia formar frases direito, menos ainda personagens! Fico admirada com quem consegue. 
Gostava de ler muito e chegou um momento que eu não tinha mais o que ler na biblioteca da escola e comecei a reclamar com a minha mãe. Ela me apresentou um livro que estava escrevendo. Achei tão incrível que minha mãe escrevia que quis imitar. O livro que ela escreveu, na época, conseguimos publicar a pouco tempo e se chama Uma Janela Fechada.
Esse desejo reascendeu depois que li Crepúsculo e descobri qual era o meu estilo preferido de escrita: fantasia. O desejo de publicar veio depois de conhecer a escritora nacional Nazarethe Fonseca, pois vi que existiam escritores no Brasil tão incríveis quanto os que eu gostava estrangeiros.

5. Você é muito envolvida com projetos de reconhecimento e divulgação da literatura nacional com a fanpage Literatura Nacional BR e seu Blog Coração de Papel. Como avalia o cenário da literatura nacional atual? 
Cada pequena ação, seja de um blogueiro ou vários, seja de um autor ou todos, ou apenas de um leitor que decide por um livro nacional ao invés de outro, muda nossa situação atual. Há quatro anos, quase não se ouvia falar em escritores nacionais – salvo os já renomados. Hoje, vemos muitos dando entrevistas, sendo chamados para eventos, sendo lidos, além de algumas editoras que abriram mais as portas para os brasileiros que possuem esse talento. Eu acredito que é o começo, é árduo, demorado, doloroso, mas em alguns anos teremos o prazer de ver em destaque nas livrarias mais livros nacionais que os estrangeiros, assistiremos filmes baseados em nossas criações e veremos leitores preferindo o que é nosso ao que vem de fora, porque saberão que é tão bom quanto, se não melhor. Fico muito feliz de fazer parte disso, dessa mudança, de ter algum papel, mesmo que mínimo, na conscientização dos leitores, editoras, mídia, entre outros, de que o nacional também tem voz e letra. 

Semana Rainha - TAG Série Neblina e Escuridão


Olá queridos leitores! 
Continuando a Semana Rainha, trouxe pra vocês uma tag feita pela própria Mari Scotti em conjunto com a Beatriz Andrade.
A tag consiste em indicar um livro de acordo com a personalidade dos personagens da série Neblina e Escuridão

Então vamos lá!

Elizabeth: Um livro que você leu (emprestado ou alugado) e nunca achou um exemplar para comprar.

Lobos Não Choram da Patricia Briggs. Peguei emprestado da biblioteca municipal em 2013, li e amei, mas nunca encontrei um exemplar a venda :(
Inclusive, tem resenha dele aqui no blog!

Ellene: Um livro que você estava indeciso se seria uma boa leitura, mas foi até o fim para descobrir.

Glimmerglass da Jenna Black. Faz tempo que o li e lembro que fiquei com um pé atrás quando o comecei, mas a leitura acabou sendo maravilhosa e fiquei com vontade de ler os outros livros da série, o que acabou não acontecendo :(

Heidy: Um livro com um vilão que você detestou e torceu para que ele morresse.



Presidente Snow da trilogia Jogos Vorazes - Suzanne Collins.
Fiquei a trilogia inteira odiando o cara, pra no último livro levar aquele plot twist (reviravolta) que me deixou boquiaberta! Não vou colocar spoiler, mas quem leu sabe do que eu estou falando! 
Mas o personagem era mal e eu não gostava dele!

Nicolae: Um livro com um personagem secundário importante para a trama e de quem você não sabia se confiava ou não.



Professor Snape da saga Harry Potter - J. K. Rowling.
Quem leu sabe que a gente passa a série toda não confiando no personagem, até que no último livro percebemos que ele sim era confiável e super importante para a história!

Milosh: Um livro com um protagonista destemido, porém depressivo.



Tia Antonieta do livro Montanha da Lua - Mari Scotti.
Vou trocar o termo depressivo por triste. Além da personagem ser rígida, também é triste, mas o motivo a gente entende, afinal aconteceu algo horrível em sua vida, o que deixou marcas profundas (não vou colocar spoiler aqui, sorry), então ela estava sempre lembrando disso e ficando triste.
Inclusive, tem resenha do livro aqui no blog!

Jacó: Um livro com um irmão mais velho ciumento.
Infelizmente não consegui encontrar nenhum livro que eu tenha lido com um personagem assim :(

Carol: Um livro que te deixou curioso e você deseja ler em breve.



Jogo de Espelhos da Cara Delevingne & Rowan Coleman.
Tenho uma lista infinita de livros que quero ler, mas escolhi esse lançamento, pois além de ser a Cara Delevingne quem escreve, gostei muito da sinopse também!

Tomás: Um livro que você amou e te decepcionou no final.



Antigamente eu vivia falando aqui no blog sobre a minha relação de amor e ódio com a saga House Of Night (Morada da Noite) das autoras P. C. Cast e Kristin Cast. Acabei desistindo de ler no oitavo livro (esse aí de cima), pois a série estava uma baita enrolação e eu não estava mais com paciência pra isso, então acabei desistindo.
Mas, quero voltar a ler, pois a série acabou sendo especial para mim porque foi a primeira série (e os primeiros livros sobre vampiros) que comecei a ler, mesmo não a tendo terminado.


Benjamim: Um livro que te deixou com sentimentos dúbios, ainda não sabe se gostou ou odiou.

Um Corpo na Biblioteca da Agatha Christie.
Esse foi o último livro que li e ainda não sei ao certo se gostei ou não, acho que é por causa da narrativa que é diferente de tudo o que já li, afinal esse foi o meu primeiro livro da Agatha Christie!

Tem uma regrinha na tag que diz para indicarmos três blogs para respondê-la, mas vou deixar livre para quem quiser responder em seu blog também!

E não esqueçam de que dia 11 de novembro será lançado o livro Rainha!
Confirme sua presença, clicando AQUI.



Espero que tenham gostado!

Beijos e até amanhã com o próximo post <3
® Inverno de 1996 | Layout por A Design